O meu bebé tem 48 Horas

Nasceu bem, com muitas visualizações (que eu tenho um programa todo XPTO que me mostra essas coisas todas), com muitas mensagens de parabéns e felicidades e tudo e tudo e tudo de bom que um bebé recebe quando nasce.

Tem recebido dicas, sugestões e até já recebe pedidos de temas que querem ver falados e vídeos que gostavam de ver. E eu tomo nota de tudo com muita atenção!

Porquê um blogue?

 

Luto há muito por um lugar em rádio ou televisão mas aparentemente só chego perto. Parece que estou sempre só “quase a chegar lá”.

Luto pelo que quero desde que me apercebi do que quero ser. Daquilo para que nasci: comunicar.

Lembro-me que na adolescência queria ser atriz. Mas essa não era a melhor das opções, uma vez que tenho a memória mais curta da história. Mas também, na verdade, não queria contar histórias de brincar. Queria contar as minhas e as dos outros. As de verdade, como eu lhes chamava.